Infelizmente essa página não possui suporte a impressão.

Notícias

Claretiano Solidário faz mais de 1,5 mil atendimentos em 2018

03/12/2018 - Batatais

O Claretiano Solidário, que acaba de completar 15 anos de existência, realizou mais de 1,5 mil atendimentos em 2018. Neste ano, as ações se concentraram no bairro Quintino I, em Ribeirão Preto, em parceria com a Paróquia São Mateus. 

A população do bairro e do entorno recebeu orientações nutricionais e de saúde, exames, aulas de computação, prestação de serviços diversos e momentos de recreação. Foram duas edições: uma em maio e outra em setembro

Além de contar com uma equipe formada por estudantes e professores do Claretiano - Centro Universitário, o projeto fez uma parceria com a empresa Tecno4 Produtos Hospitalares para realização de exames de sangue e de urina. 

O grupo também ganhou reforço da Academia de Beleza Ondina, que levou seis alunos para atuar no corte de cabelo, e de mais duas pessoas da própria comunidade — que ofereceram seus conhecimentos para corte de cabelo e esmaltação.

“O Pe. Germano, que é o pároco, acolheu com muito carinho os alunos, coordenadores, professores, cooperadores e profissionais dispostos a compartilhar um pouco do seu tempo. Vale ressaltar que as famílias paroquianas acolhem os alunos em suas residências”, disse Eugênio Daniel, idealizador e coordenador do projeto.

Veja, a seguir, a mensagem completa do coordenador:

“O Claretiano – Rede de Educação, na pessoa do Pe. Luiz Botteon, não dispensa esforços, profissionais da Instituição, além de todos os recursos necessários para o bom atendimento a todas as atividades que são desenvolvidas durante os três dias de trabalho. 

Profissionais e futuros profissionais, alunos de diversos cursos e de diversas áreas, disponibilizam seu tempo e seus conhecimentos, aquilo que é aprendido nas salas de aulas, para levar até as pessoas atendimentos nas áreas de saúde, além de serviços diversos e de diversão garantida para a criançada. É a universidade indo ao encontro da população para levar os seus conhecimentos e disponibilizá-los em forma de serviço ao outro.

O resultado mostra o alcance dos trabalhos. No entanto, os números das ações de maio e de setembro não mostram o significado e as marcas deixadas nas pessoas. Aqueles que oferecem os serviços, gratuitamente, e os que recebem o resultado dos trabalhos oferecidos, apontam um ganho de valores, mais que resultados numéricos. 

Não há como mensurar os ganhos internos das pessoas e da comunidade como um todo. Nas avaliações, nos testemunhos, nos olhares, na alegria, no convívio, é possível perceber que a missão do Claretiano é atingida plenamente. E isso é o que importa.

Assim, nossos agradecimentos à direção do Claretiano, à comunidade paroquial de São Mateus, aos coordenadores, professores envolvidos, alunos, cooperadores da Instituição, às empresas parceiras, nossos agradecimentos. Com certeza, o Claretiano – Centro Universitário agradece e se engrandece com todos.”

= = =