Infelizmente essa página não possui suporte a impressão.

Notícias

Juiz fala sobre carreira na magistratura aos estudantes do curso de Direito

30/04/2019 - Batatais

O diretor do fórum e também juiz responsável pela Vara do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Batatais, Fábio Marques Dias, falou sobre sua atuação na área da magistratura aos alunos de Direito do Claretiano - Centro Universitário no dia 24 de abril.

Entre os temas abordados no minicurso estavam a origem e função da magistratura, o trabalho do Poder Judiciário na cidade e na região, além das experiências profissionais na defesa de direitos e a experiência acadêmica do magistrado, que é mestre em Direito pela Unesp de Franca.

Segundo Dias, o Brasil possui cerca de 18 mil juízes. “Apesar de ser um número pequeno em relação ao tamanho do país, é um dos cargos que mais têm aparecido na mídia atualmente, pois não há jornal que não aborde a atuação do judiciário hoje”, afirmou. 

Além de explicar os aspectos que envolvem a vida profissional de um magistrado, o juiz falou ainda sobre todas as etapas dos concursos para o cargo. Dois anos após se formar pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, da USP, ele se tornou promotor público e, menos de um ano depois, foi aprovado para juiz de direito. 

O magistrado disse que foi necessário muito estudo e dedicação. “Sou muito grato pela magistratura, pois pude me desenvolver ainda mais no exercício dessa nobre carreira, cuja seriedade e possibilidade de fazer Justiça sempre me inspiraram”, detalhou.

Além dos alunos, também estiveram presentes no evento o professor João Carlos Bianco, promotor público aposentado, e membros do CEJUSC - Batatais (Centro Judiciário de Solução de Conflitos), dentre eles, conciliadores.

Ao final de sua exposição, Dias destacou o valor da mediação de conflitos e da celeridade processual, como elementos típicos de um Poder Judiciário cada vez mais eficaz e próximo ao cidadão.

Carreiras jurídicas em pauta 

De acordo com o coordenador do curso, Túlio Pires de Carvalho, o objetivo de atividades como essa é fomentar a pesquisa e a extensão, além de aprofundar o conhecimento dos alunos sobre as instituições públicas e as carreiras jurídicas. 

Por isso, uma vez por mês os estudantes recebem a visita de um profissional de renome para compartilhar tais experiências e poder espelhar isso aos alunos. 

“Queremos que nosso curso de Direito desenvolva o entendimento sobre a pluralidade da área jurídica e, para isso, utilizamos a experiência prático-teórica”, disse. 

A próxima palestra está marcada para o dia 22 de maio com Carlos Antônio Caran Bordini, profissional responsável pelo Tabelionato de Notas e Protestos de Títulos e Documentos de Nuporanga-SP.

Leia também:
Alunos do Direito participam de palestra sobre a atuação do Ministério Público

 

= = = = = = = =