Infelizmente essa página não possui suporte a impressão.

Notícias

Revista RELICI tem volume do Grupo de Pesquisa em Cinema e Ensino de Filosofia do Claretiano

14/07/2017

O Grupo de Pesquisa em Cinema e Ensino de Filosofia (GECEF), do Claretiano - Centro Universitário, em parceria com a Universidade Federal do Paraná (UFPR), publicou seu primeiro dossiê na RELICI (Revista Livre de Cinema), que possui avaliação ‘B4’ na Qualis – Periódico, que é uma avaliação do MEC classificatória referente à produção científica da pós-graduação em relação aos artigos publicados. O dossiê é composto por sete artigos e quatro resenhas, todos elaborados pelos membros do GECEF. A iniciativa tem a coordenação do Prof. Ms. Alessandro Reina, membro do colegiado do curso de licenciatura em Filosofia do Claretiano.

  

Confira abaixo o editorial da publicação:

“Esta edição da Revista Livre de Cinema é um marco na sua trajetória que, ao final de 2107, completará quatro anos de existência. A partir de uma sugestão de Alessandro Reina, tomei a decisão de publicar neste número especial uma edição temática dedicada a reflexões e análises sobre a relação entre cinema e filosofia. Assim, nesse Dossiê Cinema e Filosofia, sob a coordenação de Alessandro Reina, que é Professor dos cursos de graduação e pós-graduação do Claretiano Centro Universitário, onde coordena o Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Cinema e Ensino de Filosofia, esta edição apresenta, para os interessados e estudiosos do campo do cinema, sete artigos e quatro resenhas de filmes. Em todos os textos, a linha argumentativa explora a relação do cinema com a filosofia, bem como suas interações com a educação em alguns deles. Ademais, os autores dos textos que integram esta edição, em suas análises e resenhas exploram desde clássicos do cinema nacional, como Deus e o diabo na Terra do Sol, de Glauber Rocha, até filmes mais tradicionais, oriundos de Hollywood, tais como Star Wars – O Despertar da Força e Batman. Filmes nacionais contemporâneos também foram utilizados para apontar questões filosóficas relevantes para a sociedade em que vivemos. Foi o caso de dois filmes da cineasta Suzana Amaral – Hotel Atlântico e A Hora da Estrela – e o recente Nise – O Coração da Loucura de Roberto Berliner. É um conjunto de textos que demonstra a riqueza de perspectivas que o cinema permite quando se analisam filmes do ponto de vista da filosofia. Tenho certeza de que os artigos e resenhas ora publicados permitirão aos leitores da RELICI aprofundar seus entendimentos do campo de estudos em cinema. Boa leitura a todos! ”

Fernando Gimenez1

1 Universidade Federal do Paraná. relici2014@gmail.com

 

Todos os artigos e resenhas estão link: http://www.relici.org.br/index.php/relici/issue/current