Infelizmente essa página não possui suporte a impressão.

Gastronomia e Cultura Italianas - Pós-graduação

Inscreva-se

saiba mais sobre o curso e faça sua inscrição

Duração do curso

15 meses com 40 encontros aos sábados, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Carga horária

selecione o local e como estudar

Valor da mensalidade

selecione o local e como estudar

Portarias de Criação e Funcionamento do Curso

Coordenador(a)

Sobre o curso

É indiscutível a importância que a gastronomia vem assumindo nos últimos anos, na sociedade e no debate público, no Brasil e no mundo. Muito mais do que o uso de técnicas adequadas para a elaboração de alimentos, ou da ?observância das leis do estômago? e ?da arte do bem comer e do bem beber?, como definiu Brillat-Savarin, a gastronomia tem assumido contornos que extrapolam estas visões. Gastronomia hoje é uma ferramenta fundamental para a inclusão, para o bem-estar, para o aprimoramento das relações sociais, para a celebração da identidade cultural de um povo e para a descoberta de novas formas de satisfazer uma das necessidades mais básicas do ser humano. Projetos como a Gastromotiva de David Hertz e sua gastronomia social, ou o movimento Slow Food, nascido na Itália, e que hoje se encontra espalhado por todo mundo, além dos milhares de artigos científicos sobre o tema, publicados todo ano, nos dão uma visão muito eloquente da crescente importância que a gastronomia vem assumindo. A gastronomia brasileira, ao longo do tempo, sofreu inúmeras influências, a partir das preparações feitas pelos nativos e suas variações locais e regionais, acrescida das influências de portugueses, africanos, italianos, espanhóis, alemães, e de tantos povos que compõem a formação de nosso país ao longo de nossa história. Neste cenário a gastronomia italiana assume um papel fundamental, seja por sua importância reconhecida em todo mundo, seja por sua importância na formação da gastronomia brasileira, em especial as das regiões Sul e Sudeste do país. Diversas regiões do Estado de São Paulo têm cultivado esta gastronomia através de suas colônias de descendentes, porém quase sempre com um viés saudosista, celebrando as mesmas receitas do tempo em que se processou a imigração em massa de italianos para o Brasil, no início do século XX. Neste contexto o Claretiano ? Centro Universitário lança o curso de Gastronomia e Cultura Italianas, como uma forma de processar uma atualização destes conceitos e ampliar o conhecimento sobre a gastronomia italiana praticada hoje em dia, na qual os pratos e preparações tradicionais são celebrados, os ingredientes locais são valorizados, porém lançando se mão de novas tecnologias e saberes desenvolvidos em mais de um século da ocorrência do processo massivo de imigração. Quanto as aulas presenciais, serão desenvolvidas basicamente da seguinte forma: aulas expositivas, participativas e dialogadas, com uso intensivo de audiovisuais e vivências; aulas práticas de degustação e demonstração de técnicas, in situ ou à distância. O curso possibilitará atuação em toda a indústria da restauração, empresas que trabalham com produtos típicos italianos, como o vinho ou o azeite de oliva, empresas importadoras de alimentos, entre outras. Além disso, esta especialização oferecerá embasamento para atuação em serviços de consultoria e docência em gastronomia ou em cursos correlatos, como hotelaria e turismo.

Público-alvo

Egressos de cursos de Gastronomia, Nutrição, Engenharia de Alimentos ou outras áreas, que queiram aprofundar seus conhecimentos em Gastronomia e Cultura Italianas; empresários e empreendedores que desejam investir em Gastronomia.