Infelizmente essa página não possui suporte a impressão.

168 anos da Congregação dos Missionários Claretianos

“Hoje damos início a uma grande obra” (Antônio Maria Claret)

Em 16 de julho de 1849, Santo Antônio Maria Claret fundou a Congregação dos Missionários Claretianos. Neste mesmo dia, é realizada a festa de Nossa Senhora do Carmo, na Catalunha, Espanha. Por isso, a santa é tida como representante e padroeira da fundação. 

A história

Antônio Maria Claret, por muito tempo, desejava preparar sacerdotes para que anunciassem o Evangelho em muitos lugares.  Foi quando, guiados pelo Espírito Santo, alguns sacerdotes se animaram e deram início às atividades. 

Muitos acontecimentos enriqueceram a história desta Congregação, principalmente, sua expansão, se espalhando pela Europa, África e América. 

Fonte: http://claret.org.br/p/claretianos/origem-e-fundacao 

A Pastoral Universitária e a Extensão Comunitária apresentam ações pastorais que buscam agregar ao trabalho acadêmico, munido do espírito do Evangelho e transmitindo o saber científico e espiritual a serviço da humanidade.
Como uma ação de fronteira, tem o privilégio do diálogo entre a Igreja, a cultura e a tecnologia, disponibilizando uma educação qualificada aos futuros profissionais, fundamentada na ética, cidadania e atitude cristã, e no Projeto Educativo Claretiano, que se baseia nos ideais de Santo Antônio Maria Claret, fundador da Congregação dos Missionários Claretianos.